Design

NDESIGN Parahyba 2016 (João Pessoa)

No último dia 18 de julho de 2016 fiz uma palestra sobre design de interação no NDESIGN Parahyba 2016 em João Pessoa. Fiquei muito feliz pelo convite por duas razões: a primeira por ser um evento tão importante como o NDESIGN realizado em João Pessoa, a cidade que venho trabalhando desde 2013 para aumentar a comunidade. E a segunda razão por falar sobre design de interação, tema que tento formar e fazer mentoria de vários profissionais para o início de carreira há muito tempo no NE, principalmente com a realização do Interaction South America 2013 (ISA13) em Recife.

A palestra é uma grande introdução sobre os primeiros passos no tema e uma tentativa de colocar os pontos nos i`s com tantos nomes e conceitos diferentes como design thinking, experiência do usuário, design de interação, arquitetura de informação… deixando claro para os presentes onde encaixamos cada um destes conceitos. Seguem os slides.

 

Padrão
Design

Participação no Podcast #MovimentoUX

Em fevereiro deste ano gravei uma conversa para o podcast #MovimentoUX que estava começando na época lá em Belo Horizonte. Era o segundo episódio do podcast que a Izabela de Fátima estava gravando sobre como começar na área de UX aqui no Brasil. Comentei um pouco a filosofia design centrado no usuário, sobre como comecei na área, como minha relação com arte e tecnologia acabou influenciando minhas escolhas profissionais e falei algumas dicas muito legais sobre como começar como pesquisador independente.

Escuta aí:

A partir deste mês de abril, o podcast passou a fazer parte do Blog de AI, então você vai ver essa versão por lá também.

Padrão
Design

Vídeos do Interaction South America 2013

O Interaction South America 2013 foi, sem dúvida, uma das experiências mais incríveis que já proporcionei para a comunidade de design de interação no Brasil, a qual tive a honra de participar como organizador e curador geral do evento. O evento aconteceu em Recife, cidade que nasci, cresci e tenho um sentimento de orgulho absurdo. Conseguimos ter 1.200 pessoas acreditando nesse sonho e pudemos contar com 14 palestrantes incrível para compartilhar conteúdos super diversos que deu para ter um panorama muito legal do que se produzia no mundo naquele momento na área de experiência do usuário.

Em nome de toda equipe publico aqui todos os vídeos. Muito obrigado por todos que apoiaram e acreditaram no nosso sonho que era possível fazer um grande evento internacional em Recife!

Padrão
Design

Paper Prototype Workshop

No dia 27 de junho ministrei no Espaço Nabuco o primeiro workshop em Prototipação em Papel da BRU! Design de Interação. Para quem ainda não conhece, a BRU! é uma associação focada em estimular e disseminar os conhecimentos do design de interação no Nordeste do Brasil.

O workshop foi dividido em três fases: introdução ao design de interação, métodos de prototipação e avaliação das propostas. Na primeira parte conversamos sobre as especificidades do design de interação e, principalmente, onde a prototipagem está inserida e como ela pode ser utilizada para ajudar na comunicação das equipes de design.

02

O foco na segunda parte foi na prototipagem de baixa fidelidade utilizando a técnica da prototipagem em papel. Os alunos foram separados em dois grupos. O primeiro grupo ficou responsável em idealizar e prototipar o website do Espaço Nabuco e o segundo, o Aplicativo para Dispositivos Móveis do Mercado de Casa Amarela.

03

Na última parte conseguimos realizar dois testes de usabilidade com as soluções realizadas no worksho. Os alunos tiveram a oportunidade de assumir os papéis reais dos testes de usabilidade como moderador, observador, usuário e o computador.

Essa parte de avaliação das soluções foi essencial para eles perceberem possíveis falhas na ideação da solução e, também, aprenderem a como lidar com os usuários durante as avaliações de projetos, seja na parte de prototipação em baixa ou alta fidelidade.

04

Padrão
Projects

Warning – Real Time Global Air Quality Display

O projeto é uma instalação reativa que recebe dados da internet a respeito da qualidade do ar nas grandes cidades do mundo. Ao analisar esses dados, interpreta numa variação de cor em tons de branco (quando muito bom) ao roxo (quando inapropriado).

Esta instalação é feita com LEDs RGB e espuma de poliester, e tem comunicação com o microprocessador arduino onde faz conexão com a internet para buscar os dados. Esta instalação ocupa parte de um espaço público e de passagem de pessoas. Para cada um dos 5 continentes serão escolhidas algumas cidades que vão ser alternadas na instalação ao longo do tempo.

Projeto desenvolvido no âmbito da dissertação final do Mestrado em Tecnologia e Arte Digital, na Universidade do Minho, Portugal. Mais informações: rodrigomedeiros.com.br/warning

Continuar lendo

Padrão